quarta-feira, 12 de fevereiro de 2014

Efeitos - Infertilidade

Um dos efeitos mais temidos da quimioterapia é sem dúvida a infertilidade, infelizmente alguns agentes quimioterápicos podem causar infertilidade provisória ou permanente em ambos os sexos. Isso depende da idade do paciente (mulheres mais jovens são menos afetadas; homens pré púberes são menos afetados), do agente quimioterápico e da dose.
As mulheres podem evoluir com menopausa precoce ou apenas com amenorréia (parada da menstruação) durante meses ou anos, voltando depois ao normal. Os homens têm a produção de espermatozóide diminuída ou anulada, também podendo voltar ao normal após algum tempo.

A prevenção a esses danos deve ser feita na escolha do quimioterápico, sem prejuízo para a eficácia do tratamento, ou seja conversar abertamente com o médico sobre esse assunto, e chegarem juntos à conclusão do qual o melhor método, de amenizar esses danos, quando possível.
O mais importante porém, é que pacientes homens e mulheres devem ser avisados quanto ao risco e orientados sobre as técnicas de congelamento de espermatozóides e embriões.


 
 
Sobre o Congelamento de Óvulos
No caso de haver tempo para o congelamento e vontade do paciente é preciso saber alguns pontos importantes:
 
- Quanto mais cedo melhor - Sabemos que é possível ficar grávida aos 40 anos (ou mais) mais as chances de o congelamento ser eficaz cai à medida que envelhecemos, portanto quem tem 60% de chances aos 30 anos, aos quarenta tem a metade disso, 30%...
 
- Vai para o freezer ou não? - O processo é feito em duas etapas. No primeiro tomamos injeção de hormônios na barriga por 11 dias. Nos quatro dias seguintes o óvulo é monitorado por meio de ultrasson transvaginal e então vem a etapa da coleta. o processo é repetido três vezes, pois o objetivo é guardar o maior número de óvulos para aumentar as chances de sucesso. Isso significa dizer que o processo demanda tempo e dinheiro.  O processo sai em torno de R$ 7.500,00 e existe também uma taxa de manutenção dos óvulos, cerca de R$ 800,00 por ano. E as injeções que variam entre R$ 5.000,00 a R$ 8.000,00.
Como vemos preservar o sonho da maternidade ou paternidade não fica barato, mas para quem quer e tem condições é óbvio que ver o sorriso do seu filho não tem preço.