domingo, 2 de novembro de 2014

Capri


Capri não estava em nosso roteiro a princípio, pensamos que seria complicado desviar a rota para lá, mas depois que pesquisei  mais a fundo sobre o lugar conclui que era um grande desperdício estar tão perto desse paraíso e não fazer um esforço  para conhecê-lo. Fiquei falando na cabeça do Franco incansavelmente até convencê-lo!!! 
Acabamos optando por um desses passeios guiados que os hotéis oferecem, pois de Roma para lá é um pouco complicado os horários quando a intenção é somente passar o dia...
Vamos de ônibus até Nápoles e de lá tomamos um barco.


Que alegria chegar e ver que é tudo infinitamente mais lindo que o imaginado... É um cenário de sonho!
A gente ancora na Marina Grande, que é a porta de entrada para quem quer que chegue na ilha.




Se Capri é glamourosa e cintilante, uma joia entre as rochas, para descobrir o lado mais selvagem e vivo da ilha é preciso encarar três quilômetros de curvas e subidas para chegar em Anacapri, a segunda ilha da cidade.



É em Anacapri que está a fábrica de Limoncello, um licor tipicamente italiano feito com limão siciliano e algo parecido com vodka, delicioso, mas não é para os francos. Também ali são fabricadas porcelanas incríveis, e as famosas sandálias de Capri.



Almoçamos em Anacapri e aproveitamos para descansar um pouco de massa, massa, massa. E provamos a sugestão que é frutos do mar. Hummm ótima pedida!!!



De volta a Capri  passeio de barco é imperdível para conhecer a famosa Gruta Azul e os igualmente famosos Faraglioni - Cartão Postal da Ilha.




A Gruta Azul. De um azul inexplicável, lindo demais. Um azul transparente com reflexos prateados. impressão não é a de navegar, mas de flutuar suspenso no céu. 





Pense um minuto em Capri. A primeira imagem que vêm em mente é certamente aquela dos Faraglioni: os três picos de rochas saindo do mar a poucos metros da costa. Cada Faraglione tem um nome: o primeiro unido a terra se chama Stella; o segundo, separado do primeiro por um pedaço de mar, Faraglione di Mezzo e o terceiro Faraglione di Fuori ou Scopolo. Diz a lenda que os casais que passam ali e se beijam vão ficar juntinhos para sempre... Bora garantir né?





    Valeu Capri, cada minuto de um dia inesquecível!